Rali Vidreiro arranca com 66 inscritos

ADSC_4671 Marinha Grande recebe, a partir da próxima sexta-feira, mais uma prova do Campeonato Nacional de Ralis. Com 66 pilotos inscritos, divididos entre o CNR, Taça FPAK Ralis de Asfalto e Rali Extra, a prova promete grande emoção.

No topo da lista de interesses estão, naturalmente, os seis R5 a marcar presença no Rali Vidreiro, principalmente porque a luta pelo título Nacional está ao rubro. Destaque para a natural ausência de José Pedro Fontes que continua a recuperar do violento acidente que sofreu no Rali de Portugal.

Natural destaque também para o Campeonato Nacional de 2R/2L que terá não só a já habitual luta pela vitória sempre disputada até final, como um enorme número de viaturas a prometer animar as estradas da Região Centro.

O Campeonato Nacional de RGT é outro dos grandes destaques da edição de 2017 do Rali Vidreiro que contará com o regresso de Adruzilo Lopes, piloto que já venceu o rali por seis vezes consecutivas. Na disputa com o Porshe 997 de Adruzilo estará ainda Vítor Pascoal. Para além do regresso à competição de Adruzilo Lopes, há a destacar o regresso do jovem piloto Ricardo Sousa, que irá procurar amealhar mais alguns pontos no Campeonato Nacional de Iniciados.

Destaque ainda para Cipriano Antunes, em Audi Quattro, que promete trazer às estradas da região centro um pouco do perfume dos ralis de antigamente, competindo no Campeonato Nacional de Clássicos de Ralis.

O rali terá início pelas 17 horas de sexta-feira, dia 9 de Junho e contará com duas passagens pelo troço Farol. Mais tarde, pelas 21horas, os pilotos dão espectáculo a milhares de pessoas nas principais artérias da cidade da Marinha Grande com uma Super-Especial citadina. Já no sábado, o rali desloca-se para os concelho de Pombal, voltando depois a São Pedro de Moel. Duas secções que prometem trazer para a estrada muitos fãs do automobilismo e restante população, uma vez que o rali irá passar à porta das pessoas, incluindo-as, de alguma forma, no espectáculo.